Blog

7 dicas para você fazer anúncios de qualidade no Google Ads

Se você quer fazer anúncios de qualidade no Google Ads, esse texto será um passo a passo perfeito para você!

É comum encontrar opiniões diferentes em relação ao uso da ferramenta publicitária do Google: o Google Ads. Uns dizem que dá resultado outros dizem que não. Mas, a verdade é que tudo depende da forma que você a utiliza em sua estratégia de marketing digital.

Aqui na Adove temos bons resultados com a maioria dos clientes que possuem campanhas ativas. Temos resultados ruins? Sim! Nenhuma estratégia de marketing digital é perfeita e trará resultados de primeira. Mas, quando os resultados não são bons é preciso remodelar a estratégia em busca de resultados melhores.

É nesse ponto em que muitos empreendedores falham. Eles insistem em fazer as mesmas coisas esperando resultados melhores, o resultado? Frustração e descrença do Google Ads. Nós ainda acreditamos muito na ferramenta e você pode saber o porquê aqui.

Mas, voltando ao tema central do texto, se fossemos dar algumas dicas para você melhorar a qualidade dos seus anúncios do Google Ads e que pudessem ser implementadas na mesma hora, elas seriam essas:

Dica número 1: Tenha bem definido o qual o seu objetivo

Gerar mais leads? Aumentar o número de acesso ao site? Mais visualizações de vídeos?

Cada objetivo vai demandar um tipo de estratégia específica dentro da ferramenta. Então, tenha bem definido o que você quer, para então iniciar o processo de criação da sua campanha de Google Ads.

Dica número 2: Domine todas as correspondências de palavras-chave

Anúncios de qualidade no Google Ads começam com a escolha das palavras-chave. Não somente na escolha, mas na forma que você as adiciona no seu grupo de anúncios. As correspondências são fundamentais para ajudar você a controlar em quais pesquisas o seu anúncio será exibido ou não.

Existem 4 tipos de correspondências de palavra-chave: Ampla, ampla modificada, de frase e exata.

Para entender melhor sobre cada tipo de correspondência e entender de maneira precisa quando e como utilizar elas, recomendamos muito a leitura da explicação do próprio Google clicando aqui.

Dica número 3: É hora de fazer uma boa pesquisa de palavras-chave

Foque em palavras-chave estratégicas para sua empresa. Por exemplo, se você vende algum serviço, utilize palavras que contenham o termo “empresas” agregado. Exemplos: “empresa de xxxx em SP”, “empresas que fazem xxx na região paulista”… e por aí vai.

Ferramentas essenciais para uma boa pesquisa de palavras: Sem Rush, Uberssugest, e Google Keyword Planer.

Dica de ouro na Sem Rush: Você pode fazer até 10 consultas diárias então faz o seguinte: dá um Google em um termo muito relevante para o teu negócio. Analisa o resultado pago. Clica nele, copia a url principal do site clicado e joga na Sem Rush. Aí dá um procurar, vai carregar uma página, você procura por principais palavras-chave paga. São palavras que vão gerar um tráfego qualificado para seu site?

Salve ela no bloco de notas e adicione nas suas campanhas. Depois, faça o mesmo processo com os outros concorrentes pagos também.

Lá no Google Keyword Planner você pode validar o volume de busca para as palavras-chave que você viu que seus concorrentes têm comprado. Ainda pode encontrar novas sugestões de palavras e ver o CPC médio de cada uma.

O Uberssugest faz o mesmo que o keyword planner. Ele é uma alternativa para verificar o volume de busca, CPC que são dificuldades para quem nunca anunciou no Google Ads. Quando você entra pela primeira vez na feramente de pesquisa do Google, ele mostra o volume de forma genérica. Por exemplo, em vez de dizer que a palavra xxx tem 343 buscas mensais ele diz que ele tem de 0 a 1.000 buscas mensais. Isso acaba quando você começa anunciar, depois que você já investiu ela mostra todos os dados.

Dica número 4: Defina um orçamento para sua campanha de Google ADS

Pegue todas as palavras-chave que você encontrou e entre no Google Ads > ferramentas > Ver volume de pesquisa e previsões > cole as palavras-chave e de um começar.

Quando carregar a página , será exibida uma previsão de gastos da sua campanha. Importante: no topo tem como você modificar o local onde você quer exibir o anúncio. Se o seu negócio for local, não faz sentido anunciar a nível de Brasil, né?

Você pode selecionar os idiomas e redes de pesquisa. Além disso, você pode fazer a previsão de maneira mensal ou trimestral. Recomendamos que faça mensal, assim você já vai ter noção sobre quanto vai precisar investir.

Lembrando a previsão que a ferramenta faz não é 100% garantida. Ela pode variar para mais ou menos quando você iniciar a campanha.

Dica número 5: Separando as palavras em grupos de anúncios

Quando você for fazer uma campanha deve separa seus serviços/produtos por grupos de anúncios.

Digamos que você tenha 4 tipos de serviços. Nesse caso, crie um grupo de anúncios para cada serviço. As palavras-chave do grupo devem ser estreitamente relacionadas com o serviço do grupo de anúncio. Confira esses exemplos:

Grupo de anúncio 1: serviços de limpeza de sofá (nesse grupo você só vai comprar palavras-chave relacionadas a limpeza de sofá)

Grupo de anúncio 2: Serviços de limpeza de camas (nesse grupo você só vai comprar palavras-chave relacionadas a limpeza de camas)

E assim por diante, mas você pode estar se perguntando, porque eu separo os grupos? E a resposta está na próxima dica.

Dica número 6: Anúncios de qualidade no Google Ads são segmentados

Separando os anúncios por grupo você consegue criar anúncios específicos/segmentados para a pessoa certa. Isso o Google Ads vê com bons olhos.

Se você deixa tudo em um grupo só, terá que fazer um anúncio genérico sem muito apelo ao serviço. Se você faz um grupo para cada serviço, você consegue criar anúncios precisos .

Ficou claro? Vamos recapitular:

Grupo específico para o serviço > anúncios cirurgicamente criados para o serviço > direcionamento para a página do serviço.

Ah não podemos esquecer da página de destino. É importante que ela seja do serviço anunciado e não uma página genérica sem vida. Se você puder criar uma página específica para cada produto/serviço seus anúncios no Google Ads tendem a trazer um excelente retorno.

Quanto mais específico e relevante você conseguir ser em suas campanhas, mais barata ela ficará e maior tende a ser o seu retorno. Veja nesse vídeo as vantagem de criar uma página específica para anúncios.

Dica número 7: Verifique a campanha diariamente e depois semanalmente

Toda vez que você coloca uma campanha nova no ar é interessante que você verifique ela diariamente, principalmente a parte de “termos de pesquisa”.

Nessa aba você poderá visualizar quais palavras-chave ativaram os seus anúncios, ou seja, quais termos as pessoas usaram na pesquisa e exibiu um anúncio seu.

É bem comum nas primeiras semanas você verificar diversos termos que não tem conexão com o seu serviço. A partir disso, você pode negativar cada um deles.

Negativar palavras-chave é uma ação fundamental para anúncios com performances melhores no Google Ads. Além disso, você estará aproveitando da melhor forma o seu orçamento.

Nós costumamos fazer essa ação diariamente com todos os clientes, mas caso não tenha tempo depois dos primeiros ajustes poderá fazer semanalmente quando ver que as palavras-chave estão bem direcionadas ao que você vende.

Conclusão

Existem outras dicas que vamos passar em um próximo texto, essas dicas que passamos são as essenciais para você criar anúncios de qualidade no Google Ads, e quando falamos em anúncios estamos nos referindo também a toda estrutura da conta, desde campanha, grupo de anúncios e anúncios em si.

Como você viu ao longo do texto abordamos todos os níveis da conta. Até porque um anúncio de qualidade do Google Ads começa na escolha do objetivo e não no que você vai escrever no seu anúncio ou quais gatilhos mentais serão utilizados.

Enfim, se você tiver alguma dúvida ou até mesmo querer sugerir um tema para falarmos aqui no blog da Adove, deixa aí nos comentários =)

Escreva um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado