Blog

Marketing para indústria: 9 erros para evitar na sua estratégia digital

marketing para indústria

Sumário

Reading Time: 5 minutes

O marketing digital representa uma das melhores alternativas para quem quer usar a tecnologia a favor de uma empresa. E ele não serve apenas para vender produtos. Abaixo, você vai ver como o marketing para indústria funciona bem na hora de consolidar uma marca. 

Até porque é muito provável que você tenha visto o poder do marketing para fazer novos negócios, certo? Já falamos disso aqui no blog. Agora é hora de aprender como usar esse conjunto de estratégias de um modo favorável aos negócios da indústria de atuação B2B. 

O que é o marketing para indústria

Para que a gente comece a falar dos erros que são comuns de acontecerem em uma estratégia digital, é preciso entender o que é o marketing para a indústria, que é o foco desse texto. E isso tem relação com o termo B2B. 

Bom, vamos lá. B2B é a sigla para Business to Business. Esse é um modelo dos mais tradicionais nas indústrias hoje em dia. O que quer dizer que empresas vendem para outras empresas, assim como para fornecedores ou varejistas. Logo, não atende os consumidores finais. 

Se você não entendeu essa parte, a gente tem exemplos bem reais do mercado B2B.

  • Uma madeireira que vende para fábricas de portas ou de móveis planejados
  • A indústria de produtos automobilísticos, que vende para montadoras de carros

Isso só nos leva a um único lugar: vender para empresas é diferente de vender para o consumidor final, não é verdade? Por isso, é preciso que se tenha muito cuidado ao investir em marketing industrial. E esses cuidados passam por conhecer os erros mais comuns.

O que evitar para que a empresa tenha mais resultados

Se você atua na indústria deve ter notado que existem vários problemas do dia a dia que parecem ser difíceis de serem resolvidos quando o assunto é o marketing digital. No entanto, eles não são tão complicados assim se você descobre a causa.

E é pensando nesses motivos que a gente consegue listar os erros mais comuns e que precisam ser evitados ao se fazer marketing para indústria. Confira 9 deles!

1 – Não reconhecer quem é a sua persona

Esse primeiro ponto é fácil de entender. Diga: o que vai adiantar você ter a melhor estratégia do mundo para vender papéis biodegradáveis para livros didáticos, do ensino, se você está falando com empresas que vendem os e-readers, como Kindle, Kobo e iPad?

Ou seja, assim como acontece no mercado que chega ao consumidor final, saiba que nem toda empresa é igual a outra. Elas atuam de forma diferente, mesmo que estejam no mesmo mercado. Isso porque possuem políticas próprias. E conhecê-las é o primeiro passo.

2 – Não criar o marketing de conteúdo

Você sabe que o conteúdo de qualidade é imprescindível em qualquer estratégia de marketing digital, correto? Mas, essa qualidade pode se tornar ineficiente se você não focar no seu objetivo. Isso também é simples de entender se a gente fizer uma analogia rápida. 

A qualidade vem com o trabalho planejado por especialistas. Depois, é preciso saber direcionar cada campanha. Afinal, você pode ter um marketing focado em anunciar um novo produto no mercado, em ensinar a como usar um serviço ou gerar engajamento para a sua página. 

3 – Não integrar o marketing com as vendas

Seguindo a ordem dos tópicos que trazemos aqui, se você reconheceu a sua persona, então, deu o primeiro passo. Depois, vem a ideia de criar um conteúdo de qualidade. Só que isso também precisa ter ligação com outra área, que é a de vendas.

Afinal, por mais que a ideia seja a de ajudar outra empresa, com soluções inteligentes, ainda assim você precisará ter lucro para que continue funcionando. E saber fazer essa conexão entre marketing e vendas nem sempre é fácil porque há uma linha muito tênue entre elas.

4 – Não atualizar as redes sociais com frequência

Quer saber de um erro muito comum no marketing digital para as indústrias? Achar que basta ter o perfil na rede social e pronto. Na verdade, se for assim talvez seja melhor nem ter essa página porque os seguidores vão achar estranho uma página “parada”.

Ainda que possa servir como uma espécie de guia de dados, com endereços e telefones, considere que as redes sociais têm um poder ainda mais incrível para indústria. Ela pode trazer mais visibilidade, mais interação e a segmentação do público.

5 – Não usar a automação de marketing

O termo automação de marketing é um daqueles que parece assustador de primeira vista. Só que você pode entender ele como uma forma de otimizar as ferramentas que podem ser usadas no seu marketing digital. Isso permite criar estratégias personalizadas.

Sabe aquela ideia do funil de vendas? Então, esse tipo de automação permite que você “fale” diretamente com cada persona com base na etapa que ela se encontra. O resultado é um aumento de produtividade porque você estará conectado com o seu público.

6 – Não investir em tráfego pago para resultados rápidos

Como em todo caso, o marketing para indústria também tem opções de estratégias orgânicas e pagas. Entre aquelas orgânicas, podemos citar a pesquisa de palavra-chave, ferramentas de SEO e até mesmo as páginas de conversão, como falamos no tópico sobre marketing e vendas.

No entanto, é inegável o poder do tráfego pago quanto se quer ter um resultado mais rápido, seja para conseguir novos seguidores, novos clientes, novos contatos ou mesmo destacar o produto ou o seu serviço. A divulgação pontual e a visibilidade rápida são diferenciais.

7 – Não ter atendimento rápido após receber os leads

Se você está acompanhando o artigo de forma linear até aqui notou que estamos em uma caminhada que segue uma ordem. Então, vamos a uma reflexão breve: de que adianta todo esse trabalho focado no marketing para indústria se você não tem um bom atendimento?

É fácil notar que esse pode ser o “furo” do seu navio. Afinal, após conseguir os leads, agora é hora de nutrir eles e, mais tarde, converter eles em clientes. Então, ter um atendimento rápido e objetivo faz toda a diferença. O marketing exige isso para um bom resultado final. 

8 – Não notar que a indústria consome conteúdo digital

Bem próximo do fim do artigo, um erro que poderia estar lá no começo. Tem muito gestor da indústria B2B achando que o conteúdo digital é só para clientes finais, o que é um erro fatal. Hoje, todo mundo e toda empresa consome esse tipo de conteúdo. É sério e tem outros mitos:

Conheça 7 mitos do marketing digital em negócios B2B que você precisa saber

Hoje, mais do que nunca, está muito claro que o marketing digital é uma necessidade que se tornou possível graças a popularização da internet. Isso permite interação rápida com a persona, melhores resultados em campanhas e muito mais benefícios para a marca. 

9 – Não reconhecer o trabalho especializado

E para fechar o ranking de erros mais comuns na indústria, quando o assunto é marketing, é o de manter o estratégico e operacional do marketing interno sem apoio de uma empresa especializada. Mas, será que isso é mesmo eficiente ou vai gerar um gasto?

Para se usar as diferentes estratégias e na execução desse tipo de trabalho contar com quem conhece do assunto não se torna um gasto se você conseguir bons resultados. Trata-se daquela boa relação do custo-benefício. É o tipo de investimento que vale a pena.

E para não se esquecer mais!

Como vimos aqui, o marketing para indústria funciona muito bem quando se evita erros básicos e comuns no dia a dia. Um deles é achar que o conteúdo digital não serve para o mercado B2B

Em resumo, os 9 erros citados neste conteúdo têm a ver com:

  • Persona
  • Marketing de Conteúdo
  • Marketing e Vendas
  • Redes Sociais
  • Automação de Marketing
  • Tráfego Pago
  • Atendimento Rápido
  • Conteúdo Digital
  • Trabalho Especializado

Sabendo disso, agora é hora de colocar em prática a teoria. Aliás, se você tiver alguma dúvida, lembre-se da Adove Comunicação, que é especialista em estratégias de marketing para indústrias. Com essa ajuda especializada é possível para evitar cada um dos erros que você viu.

 marketing para indústria

Entre em contato agora e vamos
juntos alavancar sua empresa!

Acompanhe nosso blog