Blog

Saiba os erros que devem ser evitados no alinhamento entre marketing e vendas

alinhamento entre marketing e vendas

Sumário

Reading Time: 5 minutes

O alinhamento entre marketing e vendas é chamado de Smarketing. Esse é um conceito que une às duas áreas de maneira estratégica para garantir melhores resultados. Isso porque o objetivo principal aqui é prever oportunidades de negócio e atuar em conjunto com foco no crescimento da sua empresa.

Logo, nesse conteúdo será abordado a concepção por trás desse alinhamento e os principais mitos e erros que o envolve.

Continue a leitura e saiba o que evitar na sua empresa!

O que é o alinhamento entre marketing e vendas?

O alinhamento entre marketing e vendas é uma estratégia que visa engajar as duas áreas para garantir o crescimento da sua empresa. Dessa forma, surge o conceito de Smarketing. Aqui, a letra “s’’ no início do termo representa “sales”, tradução em inglês para “vendas”.

Em uma sociedade cada vez mais tecnológica, as funções de cada área passaram a ser mais conectadas e relacionadas entre si. Então, para aproveitar essa união, é preciso colocar de vez esse conceito em prática.

Com os dois setores trabalhando em conjunto, marketing ajuda a equipe de vendas a entender os processos de atendimento e ajuda a converter os leads. Enquanto vendas determina a eficiência da capacidade de atração de marketing.

Para um negócio B2B, ter as duas áreas alinhadas ajuda ainda mais no processo de vendas, tendo em vista que ele é mais complexo e longo em comparação a vendas B2C.

Em resumo, essa união pode trazer diversos benefícios, sendo alguns deles:

  • Foco estratégico;
  • Trabalho em conjunto e melhora no clima organizacional;
  • Compreensão da persona;
  • Linguagem unificada;
  • Melhor aproveitamento das oportunidades com análise de dados mais eficiente;
  • Crescimento previsível.

Mitos do smarketing

alinhamento entre marketing e vendas

Os mitos que envolvem o smarketing estão relacionados, muitas das vezes, ao preconceito e a rivalidade entre os dois setores. Um, geralmente, acredita que pode atuar sem o apoio do outro.

E é essa competição que impede que esse conceito seja colocado em prática, da mesma forma que estimula ainda mais estereótipos e crenças.

Sendo assim, confira a seguir alguns dos principais mitos que atrapalham a efetividade do conceito e, consequentemente, do seu negócio.

O produto de qualidade se vende sozinho

Esse talvez seja o pensamento mais comum e errôneo. Essa frase, geralmente, é usada para menosprezar o trabalho da equipe de vendas.

É claro que é preciso ter, de fato, um produto de qualidade, mas isso não é tudo. O trabalho dos vendedores está na atuação com base nas melhores estratégias de persuasão e de atendimento para oferecer boas experiências para o consumidor e, assim, fechar a compra.

O conteúdo de qualidade se vende sozinho

Esse tipo de afirmação é a outra versão da anterior. Ela, também, só reforça a ideia de que o trabalho realizado pelo marketing não tem o seu valor e, portanto, não precisa efetuar essa união entre os setores.

Contudo, é necessário destacar que sem o pensamento estratégico e o conhecimento aprofundado das suas personas, não há como saber qual é o canal ideal para compartilhar o seu conteúdo.

É essencial entender a jornada de compra e o perfil dos seus consumidores para pensar nos conteúdos com maior potencial de crescimento.

Todos os vendedores já são bons comunicadores

Esse é mais um dos mitos que tenta reforçar a ideia de que não é necessário ter o alinhamento deles com o marketing. É claro que os vendedores são bons comunicadores, mas com a ajuda das estratégias de marketing, a linguagem adotada será a mais adequada para o seu público-alvo.

Assim como, é preciso saber ouvir. Um bom vendedor entende o momento certo de escutar as necessidades do cliente para ser mais assertivo durante os processos de vendas.

Marketing digital é fácil de executar

Geralmente, essa é uma afirmação que vem junto de “Marketing é caro e só está na moda”. Todas essas opiniões estão enganadas. Como já foi reforçado aqui, o marketing é uma ferramenta estratégica. Sem um planejamento correto, não há efetividade.

O estar na moda, significa que as empresas passaram a enxergar o potencial dessa ferramenta nas suas ações, principalmente o marketing digital. Isso porque a conexão gerada pela internet, atualmente, permite que esse campo seja explorado da melhor forma para a distribuição e compartilhamento de conteúdo de qualidade.

Por fim, é preciso ter em mente que essa área é repleta de profissionais especialistas e qualificados e, por isso, merece ter um preço justo. No entanto, no mercado, ainda há valores acessíveis para empresas menores.

Principais erros que precisam ser evitados

alinhamento entre marketing e vendas

Agora que entendemos os principais mitos relacionados ao alinhamento entre marketing e vendas, reunimos os erros que precisam ser evitados durante a execução do conceito.

Não definir os objetivos e metas em conjunto

Definir objetivos e metas em comum é o primeiro passo para começar a implantar o conceito. Então, se os setores não se juntam para determiná-los logo no início, não haverá bons resultados, o que só vai reforçar os mitos relacionados a essa junção.

Imagine que a meta da equipe de vendas é gerar 100 compras até o fim no ano, enquanto a de marketing é gerar reputação. Apesar de se conectarem no final, as ações para execução delas vão ser diferentes.

Sendo assim, é preciso definir os objetivos necessários para cada área, para assim criar metas compartilhadas e mensuráveis.

Falta de compartilhamento de dados

Esse é um erro decorrente do anterior. Isso porque, sem as metas compartilhadas, as informações e métricas também vão ser isoladas e sem conexão.

Os indicadores servem para avaliar e analisar o desempenho das ações e prever  possíveis erros. No entanto, eles precisam ser definidos de acordo com as metas estabelecidas.

Dessa forma, não há a necessidade de se ter mais de um indicador para cada meta. Tenha em mente que essa junção serve para otimizar e agregar valor. Então, não tenha muitos relatórios e informações desnecessárias. Reúna somente aquelas que de fato vão fazer a diferença para as análises estratégicas.

Não implementação de um SLA

O SLA é a sigla para Service Level Agreement. Ele é um documento para registro  e controle das ações, atividades, prazos, objetivos e profissionais responsáveis por cada parte do processo.

Tendo em vista que as equipes se tornarão uma só, implementar o SLA é a melhor maneira de organizar esse novo grande time. É preciso que seja visível e que todos tenham fácil acesso para acompanhar cada atualização.

Não utilizar ferramentas integradas

As ferramentas utilizadas durante os processos de cada setor precisam ser integradas. Assim, os relatórios e as informações vão ser mais completas, facilitando as avaliações e os planejamentos.

Nem sempre isso será possível, mas para simplificar o contato e a troca de informação, o ideal é estabelecer essa integração.

E agora?

Depois de entender melhor a efetividade do alinhamento entre marketing e vendas, os principais mitos e erros a se evitar, é hora de colocar em prática o conceito na sua empresa.

Se você quer compreender mais sobre esse tema, baixe o nosso eBook gratuito.

alinhamento entre marketing e vendas

Entre em contato agora e vamos
juntos alavancar sua empresa!

Acompanhe nosso blog